Portal da Cidade Lucas do Rio Verde

LIVRO NOVO

Parceleiro do INCRA lança livro denunciando assédio ideológico nos assentamentos

Em fase final de diagramação, autor procura por editora que queira publicar e distribuir a obra nas livrarias e pela internet.

Postado em 02/10/2019 às 12:04 |

Livro de Gilberto Cattani denuncia a forma com que movimento paraestatais ligados a partidos políticos de esquerda entram no assentamentos de reforma agrária no Brasil (Foto: Reprodução/Gilberto Cattali)

O agricultor Gilberto Cattani, parceleiro do INCRA e uma das mais influentes lideranças no Pontal do Marape, em Nova Mutum, trabalha na conclusão de um livro denunciando a precariedade com que os assentados são tratados pelos órgãos institucionais e como esta situação de abandono gera as condições para que grupos ligados a partidos políticos de esquerda se instalem nestas comunidades para praticar o que caracterizou como “assédio ideológico socialista”.

Projeto de 20 anos

De acordo com o autor, o livro é um projeto que demorou 20 anos para tomar corpo, pois exigiu coleta de documentos e testemunhos de diversos assentados na região meio-norte de Mato Grosso: “eu vivi minha vida toda em assentamentos da reforma agrária, desde os promovidos pela iniciativa privada até os governamentais, mas em todos eles existe um padrão: dada a falta de atendimento por parte das instituições governamentais aos assentados, dirigentes de movimentos paraestatais como MST começaram a entrar nos assentamentos, criando normas, estatutos e regras para que os assentamentos passassem a seguir a agenda ideológica dos partidos de esquerda. Caso os assentados burlassem estas determinações, os agricultores sofreriam sanções que variavam de grau conforme a situação, criando um Estado paralelo e policialesco dentro dos assentamentos”.

O autor, agora, procura uma editora que receba o texto e queira distribuí-lo para a comercialização em livrarias e pela internet.

Em fase final de diagramação, autor procura por editora que queira publicar e distribuir a obra nas livrarias e pela internet (Foto: Reprodução)

Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas