Portal da Cidade Lucas do Rio Verde

Prejuízo!

Em Lucas, 223 contentores de lixos foram danificados e 176 sumiram, diz SAAE

O município possui cerca de 3.900 contentores distribuídos nos Bairros, para suprir a demanda de recolhimento que aumentou em 30%.

Postado em 13/01/2020 às 10:57 |

Cerca de 3.900 contentores estão distribuídos pelos Bairros da cidade. (Foto: Reprodução: Ascom/Prefeitura-LRV)

O sistema mecanizado, inaugurado em março de 2016, teve um investimento de R$ 5 milhões, colocando Lucas do Rio Verde,entre as três cidades do país a adotar o sistema 100% mecanizado.

O modelo adotado pelo município começou a ser instituído em 2013, com o Plano Municipal de Resíduos Sólidos. Em 2014, começaram a ser instalados os contentores de lixo em todas as ruas da cidade. Hoje, as 3.900 unidades são responsáveis pela coleta de 60 toneladas por mês.

Mesmo com a alta importância do sistema, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), vem registrando problemas e prejuízos. "Infelizmente atos de vandalismo danificaram 232 contentores. Muitos foram encontrados queimados, quebrados e sem as tampas. Além disso, 176 sumiram. " disse diretor do SAAE João Pagotto.

Ainda de acordo com a autarquia, cada unidade de contentor custa em torno de R$ 1.650,00, o que totaliza um prejuízo de mais de R$ 600 mil reais. 

Para suprir as necessidades do município, na última semana foi realizado a entrega de dois caminhões coletores, um caminhão transbordo, dois reboques e 100 novos contentores. "Os veículos e os contentores tiveram um investimento total de R$ 1.626.258,00, todos adquiridos com recursos próprios da autarquia. Por isso pedimos encarecidamente o cuidado com esses contentores pois é um patrimônio público, que só traz benefícios para a população", concluiu Pagotto.

Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas