Portal da Cidade Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde

Restaurante do Trabalhador contabiliza mais de 70 empresas cadastradas

O último quadrimestre contabilizou a venda de 35.200 refeições, entre marmitas, refeições no local e pratos avulsos

Publicado em 12/01/2022 às 17:47

(Foto: Ascom Prefeitura/ Anderson Lippi)

Após dois anos de portas fechadas, o Restaurante do Trabalhador de Lucas do Rio Verde retomou às atividades em 2021 e fechou o último ano com um balanço significativo em relação ao número de refeições e empresas cadastradas.

De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, em janeiro de 2021 a unidade retomou o funcionamento com oito empresas conveniadas e um total de 1.100 refeições servidas no mês. Em janeiro deste ano, a pasta já contabiliza o total de 79 empresas cadastradas junto ao restaurante.

O supervisor do Desenvolvimento Econômico, Elizeldo Reis, explica que investimentos e adequações foram realizados na volta ao funcionamento. O restaurante precisou passar por uma reforma, além da compra de alguns utensílios e maquinários, mas outro ponto importante foi a proposta de atrair trabalhadores e empresários.

“Precisamos trabalhar muito a confiabilidade do empresário, trazer ele de volta e, assim, atrair os trabalhadores ao restaurante. O desafio foi grande, pois o restaurante ficou fechado por dois anos. Fizemos uma revisão geral sobre a forma de trabalho, o que estava dando errado e corrigir para que isso não acontecesse mais”, destacou o servidor.

Em dezembro, o Restaurante do Trabalhador registrou a entrega de 9.264 refeições, entre marmitas, ao custo de R$ 9,70 (com embalagem), os pratos avulsos e refeições no local para os funcionários das empresas conveniadas, pelo preço de R$ 9,20.

As refeições são preparadas por uma empresa, vencedora de licitação, supervisionada pela secretaria. O Município oferta o subsídio de 35% no valor da refeição, por meio do Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT).

Com esses benefícios, o empresariado luverdense tem aproveitado a oportunidade. O último quadrimestre do ano contabilizou a venda de 35.200 refeições, também entre marmitas, refeições no local e pratos avulsos.

Segundo o supervisor do restaurante, a média diária é de 500 refeições servidas, sendo cerca de 400 subsidiadas e o restante demanda livre. A capacidade de produção do Restaurante do Trabalhador é de 1.500 refeições ofertadas por dia.

Um espaço com redes foi montado em uma das laterais para possibilitar que os trabalhadores consigam descansar depois do almoço, antes de retomar a jornada.

“Nossa gestão intensificou as ações junto ao Restaurante do Trabalhador. Foram vários investimentos para as adequações necessárias no local. O Município também intensificou a divulgação para apresentar o projeto às empresas. Trabalhamos para fazer com que eles se sintam bem no restaurante, se sintam acolhidos. Isso resultou nesse aumento de empresas cadastradas e no número de trabalhadores beneficiados”, finalizou o supervisor do Desenvolvimento Econômico, Elizeldo Reis.


Fonte:

Receba as notícias de Lucas do Rio Verde no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário