Portal da Cidade Lucas do Rio Verde

Flagrante

Criminoso preso por atear fogo em caminhões fez "vaquinha" para financiar ataque

Os dois foram pegos pelos militares no bairro Jardim Umuarama, dentro de uma camionete Ford Ranger prata, flagrada nos crimes.

Publicado em 22/11/2022 às 11:11

(Foto: Reprodução)

Um dos bandidos presos pela Força Tática da Polícia Militar, acusado de atear fogo em caminhões em Sinop, aparece em um vídeo pedindo dinheiro para alimentar manifestantes em um ponto de bloqueio na BR-163.

“Estamos fazendo uma vaquinha para alimentar as pessoas que estão aqui neste dia do manifesto, lutando pela nossa família. Quem quiser fazer um pix para colaborar com quem está aqui é CPF: 03472105976. Contribua lá. Olair Correa”, diz.

Além de Olair, 41 anos, um homem identificado como Danilo, 27 anos, também foi preso pela Força Tática, em flagrante, nesta segunda-feira (21). Segundo a Polícia Federal, Danilo tem passagem por homicídio e portava uma arma de fogo ao ser preso.

Os dois foram pegos pelos militares no bairro Jardim Umuarama, dentro de uma camionete Ford Ranger prata, flagrada nos crimes.

Com eles, os policiais encontraram R$ 9,9 mil em dinheiro, uma arma de fogo, munições, galões de gasolina, facas e facões, sacolas com estopas, isqueiros e estilingue.

Os dois foram encaminhados à sede da PF e optaram por não responder os questionamentos. De lá, foram levados para o presídio Ferrugem e devem passar por audiência de custódia nessa terça-feira (22).

Segundo a PF, a suspeita é de que os atos criminosos tenham relação com as manifestações contra a eleição presidencial, que acontecem em Sinop, sem ligação com outros bloqueios no Estado.

Vídeo

Fonte:

Receba as notícias de Lucas do Rio Verde no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário