Portal da Cidade Lucas do Rio Verde

DESESPERO

Mesmo com chuva, buscas ao menino Heitor prosseguem em Lucas do Rio Verde

Polícia Civil passa a investigar o caso de desaparecimento

Postado em 26/12/2020 às 10:14 |

Viatura do Corpo de Bombeiros faz ronda no entorno das lavouras na esperança de encontrar vestígios do menino Heitor (Foto: Portal da Cidade)

Mais de 40 horas desde o sumiço do menino Heitor Marciel da Silva, 2 anos, e não há pistas claras que levem ao seu encontro. O menino desapareceu na tarde de quinta-feira (24). Seus familiares notaram sua falta por volta de 15 horas e, como não conseguiram localizá-lo, acionaram o Corpo de Bombeiros. 

As buscas seguem de forma incessante, mesmo com o tempo chuvoso. Neste sábado (26) a procura foi retomada. Houve um revezamento nas equipes de busca. Na quinta-feira à noite e ontem, até o início da tarde, um militar e um cão farejador de Sorriso ajudaram nas buscas. Ontem à tarde, um militar e um cão da unidade do Corpo de Bombeiros de Sinop assumiram a tarefa. Houve mudança também na forma de trabalho. Com as chuvas, os cuidados passam a ser redobrados.

Em entrevista à imprensa, o comandante do Corpo de Bombeiros de Lucas do Rio Verde, major Alex Queiroz, orientou que populares não permaneçam no entorno da propriedade onde o garoto desapareceu. “O Luck (cão farejador) vai procurar e encontrar qualquer pessoa que esteja naquela região e havendo aglomeração pode atrapalhar. Espero que as pessoas entendam isso”, comentou.

Em determinados momentos ao longo desta sexta-feira (25) havia um grupo de até 100 pessoas auxiliando nas buscas, seja nas lavouras de soja, grameira e até no entorno da Fundação Rio Verde. Além dos militares do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Guarda Municipal e Polícia Civil, diversos voluntários foram ao local para ajudar a família de Heitor.

Mesmo em meio às buscas, policiais civis passaram a buscar informações sobre o caso. A hipótese que o garoto tenha sido levado, já que deixou a residência apenas de fraldas, levou as autoridades a reforçarem a vigilância nas estradas. Desde a quinta-feira (24) veículos passaram a ser abordados em estradas de grande circulação.

Nas redes sociais, postagens com as fotos do menino estão sendo compartilhadas, numa grande campanha de mobilização, pedindo que informações sobre o seu suposto paradeiro possam ser checadas pelas autoridades policiais.

Fonte:

Receba as notícias de Lucas do Rio Verde no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário