Portal da Cidade Lucas do Rio Verde

ASSASSINATO

Militar se apresenta e diz que temeu reação de empresário após desentendimento

Sargento Menezes se apresentou ontem à Delegacia de Polícia Civil de Tapurah com advogado e foi liberado

Postado em 27/02/2020 às 08:45 |

Militar se apresentou e prestou depoimento na Delegacia de Tapurah, que investiga o caso (Foto: Divulgação/PJC MT)

O policial militar acusado do assassinato do empresário Pedro Luís Pegorini na tarde da última terça-feira em uma chácara, no município de Tapurah, se apresentou ontem à Delegacia daquela cidade. Sargento Menezes foi acompanhado por um advogado, prestou depoimento e foi liberado. 

Não há detalhes da versão apresentada pelo militar. Apenas confirmou que bebia com Pedro e, em determinado momento, ambos se desentenderam e o empresário teria ido ao quarto. Temendo que ele fora buscar uma arma, o policial militar foi atrás e, mesmo com a porta fechada, teria efetuado três disparos.

A arma usada no crime foi apreendida e deve passar por perícia. A Polícia Civil segue investigando o caso.

O corpo de Pedro Pegorini foi velado durante o dia no plenário da Câmara de Vereadores. O sepultamento aconteceu no final da tarde, no cemitério de Lucas do Rio Verde.


Fonte:

Deixe seu comentário