Portal da Cidade Lucas do Rio Verde

SERENIDADE

“Legislativo de Lucas do Rio Verde seguirá sem atropelos”, garante Cosma

Mesmo em viagem, presidente da Câmara de Vereadores atendeu o Portal da Cidade para comentar como será o ano para os parlamentares.

Postado em 06/01/2020 às 13:28 |

Presidente da Câmara de Vereadores de Lucas do Rio Verde, Dirceu Cosma, enfatiza a importância de um Legislativo independente, apesar de ano eleitoral (Foto: José Boas/Portal da Cidade)

O presidente da Câmara de Vereadores de Lucas do Rio Verde atendeu a reportagem do Portal da Cidade no início da tarde desta segunda-feira (06) e disse que “o Legislativo municipal trabalhará, em 2020, sem atropelos”. Na avaliação do parlamentar, o posicionamento dos vereadores deve seguir o ano novo como foi em 2019, com independência e capacidade de filtrar o que é bom ou ruim para a cidade.

Em sua opinião, “é natural que existam pressões maiores, de diversos setores, por ser um ano em que ocorrerão eleições, mas temos a convicção de que a bancada saberá se posicionar de maneira equilibrada, filtrando o que é bom ou ruim para os cidadãos e para Lucas do Rio Verde. O que ajudar a cidade a crescer, aprovaremos; já o contrário, terá nossa rejeição. O que não podemos fazer é cedermos interesses particulares, nos esquecendo que fomos eleitos para representarmos toda a sociedade, e não apenas segmentos específicos”.

Sobre a relação com o Executivo, Cosma salientou que o Legislativo sempre estará de portas abertas para o diálogo e o entendimento, mas com independência: “vamos trabalhar com independência, como fizemos até agora. O respeito ao cidadão, que nos conferiu o atual mandato, deve ser o norte para qualquer tomada de decisão e seguiremos esta prerrogativa à risca até o final do ano [...] quanto ao futuro, temos que deixar as coisas acontecerem, sem atropelos ou nos esquecendo que vivemos em uma sociedade plural e livre, onde todos têm o direito à opinião”.


Fonte:

Receba as notícias de Lucas do Rio Verde no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário